Dia 0, Diamantina: Caminho dos Diamantes

Sábado, 29/06/2013

Chegamos em Diamantina as 13:30, quando pelo horário da Gontijo seria para chegar as 10:00. Com isto tivemos que mudar os planos originais. O Ricardo, que vinha de Ribeirão Preto e chegaria bem depois de nós, com o atraso, chegou enquanto eu montava a bike na rodoviária.

Queríamos aproveitar que chegaríamos cedo para ir até o Parque Estadual de Biribiri, passando pelas cachoeiras dos Cristais e Sentinela. Com o atraso na chegada, resolvemos cancelar a ida a Biribiri e aproveitar a bela tarde de céu azul para conhecer Diamantina.

Rumamos para o Diamantina Hostel, onde havíamos reservado um quarto para nós. Banho tomado, fomos bater perna pela cidade.

A cidade é muito bonita, nos surpreendemos com a quantidade de construções coloniais que ainda existem e estão bem conservadas. A cidade valeria mais dias de estadia, pois tem muita coisa bacana nos arredores. Mas nosso objetivo era o Caminho dos Diamantes. Ainda voltarei lá para conhecer este e outros lugares que passamos batidos pela Estrada Real.

Centro histórico de Diamantina

Centro histórico de Diamantina

Descobrimos que naquele sábado teria uma vesperata. A vesperata é um evento musical que os músicos tocam das sacadas dos casarões em torno do largo da Rua da Quitanda, com o maestro regendo do centro do largo. São serestas e músicas tradicionais, dando uma sensação de você ter voltado no tempo, com o casario colonial e a música. Foi muita sorte estar por lá num sábado de vesperata.

Vesperata em Diamantina

Vesperata em Diamantina

Acabamos nos animando e tomamos muitas Heinekens. Fomos dormir as 1h da madruga, já bem prá-lá-de-Bagdá. O plano era acordar as 7:00 do domingo, tomar um café da manhã reforçado e cair na Estrada Real. Mas teríamos uma companheira de viagem: a ressaca.

Não conseguimos ir até Biribiri, mas parece ser um bom passeio. Se interessar, aí está uma página com mais detalhes.

http://trilhasmg.blogspot.com.br/2008/10/mtb-cachoeira-dos-cristais-sentinela-e.html

Dica de Estadia:

Diamantina Hostel: é um albergue com quartos coletivos. Nós reservamos um quarto só para nós três, com banheiro. O local é bom, limpo, perto do centro, a proprietária (Rita) é atenciosa e o café da manhã é variado. Custou R$ 50 a diária. Email de contato: reservas@diamantinahostel.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s